"O Lobo de Wall Street", em breve na Netflix


O Lobo de Wall Street ("The Wolf of Wall Street"), o mais recente filme dirigido por Martin Scorsese e estrelado por Leonardo di Caprio, ficará disponível na Netflix a partir de 6 de maio.

Veja a seguir o comunicado de imprensa e o trailer do filme.



O LOBO DE WALL STREET CHEGA À NETFLIX

O filme dirigido por Martin Scorsese e estrelado por Leonardo di Caprio
entra no catálogo Netflix dia 6 de maio de 2014

“O lobo de Wall Street”, filme indicado ao Oscar® de 2014, estará disponível na Netflix no Brasil e América Latina a partir de 06 de maio de 2014. Com direção de Martin Scorsese e estrelado por Leonardo di Caprio, “O lobo de Wall Street” foi lançado nos cinemas em 2013.

“O lobo de Wall Street” é a quinta colaboração entre Scorsese e Di Caprio. Baseado no livro homônimo das memórias de Jordan Belfort e com roteiro de Terence Winter, o filme narra a história de um corretor da bolsa de Nova York, Belfort (Leonardo di Caprio). Belfort vai trabalhar na corretora de Mark Hanna (Matthew McConaughey), e decide seguir à risca o conselho do chefe: aproveitar tudo que a vida de Wall Street oferece, com direito a altas doses de drogas e sexo.

O elenco conta também com Jonah Hill (Donnie Azoff), Margot Robbie (Naomi LaPaglia), Jean Dujardin (Jean Jacques Saurel), Rob Reiner (Max Belfort), Kyle Chandler (Agente Patrick Denham), Jon Bernthal (Brad), Jon Favreau (Manny Riskin) e Spike Jonze (Dwayne), entre outros.

20 comentários:

  1. Netflix foi rápida nessa :O
    Palmas para a Netflix

    ResponderExcluir
  2. Mais alguns meses e vou abandonar minha conta de 6 anos no HDB por causa da Netflix. É isso ae, torresmo nunca mais!

    ResponderExcluir
  3. Nada contra a Netflix, que está mais do que certa em colocar lançamentos, mas esse filme na minha opinião, é detestável.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tenho como dar um parecer ainda, pois não assistí. Mas estou ansioso!

      Excluir
    2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
    3. Ademir, partes de seu comentário até eram interessantes, mas chacotas e ataques pessoais não são bem-vistos por aqui.

      Excluir
    4. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    5. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir

    6. Dois pesos, duas medidas. Uma frase que se resume em criticar um filme indicado a diversos oscars sem nenhum tipo de argumento plausível é mantida. Agora argumento plausível com uma pitada de sarcasmo (que você erroneamente rotulou como chacota e ataque pessoal) é censurada. Isso é Brasil.
      Aliás, acho que o post que incentivou o meu comentário poderia ser rotulado como "irrelevante". Mas enfim... Como eu disse antes: Dois pesos, duas medidas.

      Excluir
  4. Infelizmente o melhor indicado nmho(American Hustle) não tem data.
    Mas apesar de longo, Wolf of Wall Street é sensacional, cheio de situações surreais.
    E em tempo, o Honest Trailer dele saiu essa semana https://www.youtube.com/watch?v=BzpIB5TJ7LI ;)

    ResponderExcluir
  5. Detestável????????? De longe o melhor filme de 2013,apenas Gravidade e A Grande Beleza podem estar na mesma frase dos filmes de ano passado.

    ResponderExcluir
  6. Não assisti no cinema, mas pelo que vi no trailer, o filme é drogas e sexo o tempo todo. Fiquei curioso hehe.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É por isso mesmo que o achei detestável. Eu esperava mais sobre Wall Street, e não isso aí.

      Excluir
    2. Quase que o tempo todo, mas o filme é longe de ser sobre isso. É sobre um cara que chega em Wall Street, se ferra na crise de 1987 e (de forma desonesta e prejudicando outros) costuma a ganhar dinheiro para bancar esse tipo de vida, que não é a dele, mas a de todos no meio. A história critica o capitalismo e essa imagem de sucesso dele( da forma mais resumida possível o "dinheiro traz felicidade"), quem só viu a farra(seja para critica, seja para elogiar) passou longe de entender o filme.

      Excluir
    3. Apesar do nome do filme, ou seja "o lobo" ele, uma pessoa, eu pensei que o filme retrataria bem mais a crise, mas mostrou mais a vida "perdida" em drogas e afins dele. Definitivamente não gostei, mas obviamente as pessoas podem ver de outra maneira, como você falou, vendo só a farra ou tentando focar mais no pouco "material" sobre a crise.

      Excluir
    4. Bem, são 2 livros: O lobo de Wall Street e a Caçada ao lobo de Wall Street, sei o plot mais ou menos, então esperava mais do que mostrado aliás.

      É um filme do Scorsese, tem todos os elementos de qualquer outro do mesmo e é um dos melhores que já vi dele, nenhuma exposição ali é sem sentido como falei, o que me surpreendeu,então acho injusto opiniões focadas nisso, mas entendo os motivos.
      Ninguém é obrigado a gostar não, só acho que todo mundo deveria assistir e talvez( eu espero), tenha uma visão mais parecida com a minha.

      Excluir
  7. Independente de quem gostou ou não do filme, estou aplaudindo de pé e com lágrimas nos olhos por essa iniciativa de trazer filmes premiados e recentes

    ResponderExcluir
  8. Sr. Ademir Alvim, qual o problema do senhor? Essa postura que o senhor apresenta, quase me leva a crer que o senhor faz parte da produção do filme "O LOBO DE WALL STREET ". Acho estranho o senhor dar tanta importância a um comentário de uma pessoa que não significa NADA na vida do senhor. Existem milhares de filmes por aí, e da mesma maneira, milhares de pessoas criticando-os por aí. Por quê tanta acometividade para com uma elocução alheia? Por quê tanta parcialidade? Eu, Flávia, não tenho obrigação nenhuma de entender tudo de cinema, e muito menos da vida e obra de Martin Scorsese, eu nunca disse que entendia. Agora, caso o senhor seja um crítico de cinema, imagino que, se com os filmes desse último Oscar, que todos sabem, estavam bem abaixo do nível de um Oscar, o senhor está assim, alterado, como estaria o senhor no Oscar de 1995, onde foram indicados filmes realmente bons como "Forrest Gump: O Contador de Histórias" e o excelente "Um Sonho de Liberdade", se alguém os criticassem? Outra coisa, a não ser que o senhor tenha nascido em outro país, que não o Brasil, acho um tanto quanto hipócrita a sua afirmação de que isto é Brasil. Por último, foram sim as novelas latinas que me proporcionaram fluência na Língua castelhana, apesar de eu ter estudado por apenas três anos tal idioma.

    ResponderExcluir

Reservo o direito de não publicar ou remover comentários ofensivos ou irrelevantes.

Ao invés de perguntar quando chega um novo filme ou temporada de série, consulte a última lista de futuros lançamentos.